Mãe e filha conduzem projeto Dona Coruja, que doa material escolar a crianças pobres de Caicó há sete anos

Suerda Medeiros

A professora municipal, Eugênia Kelly, e sua filha, Clara Dantas, estão realizando mais um ano do projeto Dona Coruja em Caicó. A ação acontece desde 2014 e está na sétima edição.

“Eu sou professora da rede municipal e percebia que algumas crianças chegavam na escola sem nenhum material escolar e às vezes faltam às aulas por isso. Isso me tocou profundamente”, afirma Eugênia.]

“Nesses sete anos já devemos ter entregue cerca de 950 kits de material escolar doados pelas pessoas que nos ajudam no Dona Coruja”, afirma a professora.

Eugênia pede ajuda às escolas para incluir as crianças mais vulneráveis socialmente.

Clara Dantas diz que cuida da parte das mídias sociais para tornar visível o projeto, mas vai para dentro do projeto até o momento da entrega dos kits escolares: “tem uma menininha de quatro anos e ela ficou tão feliz que me emocionou tanto que quando eu saí da casa dela chorei muito”, lembra.

No kit escolar Dona Coruja consta: pasta, caderno de desenho, dois cadernos pequenos ou de um de dez matérias, coleção, lápis comum, apontador e borracha.

Neste ano de 2020 já tem 30 kits doados e a meta é 300: “o ano passado conseguimos 330”, informa a professora Eugênia Kelly.

Serviço: quem quiser doar, pode depositar qualquer valor nessa conta:

Caixa Econômica Federal

Agência: 0758

Conta poupança: 33527-8

Operação: 013

Ou:

Na Livraria Rio Madeira em Caicó tem os kits prontos no valor de R$ 22,00. Fica na Rua Otávio Lamartine, vizinho a Yuri Importados.

Quem puder, ajude. É uma campanha séria e o objetivo é oportunizar as crianças irem pra escola com seu material escolar.

Instagram: @campanhadonacoruja